Lisboa |
Dia 18 de maio, às 21h00, no Parque Urbano de Miraflores
Patriarca preside à Vigília de Pentecostes ao ar livre, com jovens
<<
1/
>>
Imagem

O Patriarcado de Lisboa está a convidar “todos os jovens e adolescentes” da diocese à participação na Vigília de Pentecostes, que vai ter lugar na noite de dia 18 de maio, sábado, às 21h00, no Parque Urbano de Miraflores, em Algés, Oeiras.

D. Rui Valério, Patriarca de Lisboa, vai presidir à Vigília de Pentecostes “onde todos os jovens e adolescentes são convidados a renovar as promessas batismais junto do seu Bispo e serão enviados em missão para as suas realidades”, assinala a organização, numa nota enviada ao clero diocesano. Depois deste momento de oração, “haverá um momento de convívio e festa até às 24h”, acrescenta a informação.

A vigília de oração é dinamizada pelo Serviço da Juventude, Pastoral Universitária, Setor de Animação Vocacional e por vários movimentos juvenis da Igreja e vai decorrer no local onde, durante o dia, vai acontecer a Festa da Família, organizada pela Pastoral Familiar de Lisboa.

Para a celebração do Pentecostes 2024, o Patriarcado de Lisboa está também a convocar os jovens para o Gesto Missionário. “Partindo do momento de oração vivido com todos os jovens da diocese, onde renovaram as promessas batismais e de onde foram enviados, todos são convidados a realizar uma ação missionária preferencialmente no Domingo de Pentecostes [dia 19 de maio]. Cada grupo escolherá onde pretende realizar a sua missão e em que moldes (ex. visitar uma instituição, missão de rua, porta a porta, etc.). Cada grupo pode, desde já, começar a preparar este Gesto Missionário na sua realidade”, desafia o Serviço da Juventude, a Pastoral Universitária, o Setor de Animação Vocacional e vários movimentos juvenis da Igreja.

Como preparação para o Pentecostes, a organização convida os jovens a fazerem uma Catequese sobre o Batismo, através do Caderno 06 do itinerário ‘E AGORA? Um mapa para ler a Jornada’, disponibilizado no site do Patriarcado e nas redes sociais, e que tem como tema o Batismo. “O convite é que cada grupo possa trabalhar o tema nas suas paróquias e movimentos até ao dia da Vigília de Pentecostes (18 de maio). Esta é uma oportunidade para aprofundar o Batismo e preparar a renovação das promessas batismais”, salientam os promotores.

A OPINIÃO DE
Guilherme d'Oliveira Martins
O poema chama-se “Missa das 10” e foi publicado no volume Pelicano (1987). Pode dizer-se...
ver [+]

Tony Neves
Cerca de 3 mil Espiritanos, espalhados por 63 países, nos cinco continentes, anunciam o Evangelho....
ver [+]

Tony Neves
Deixei Cabo Verde, terra da ‘morabeza’, já cheio da ‘sodade’ que tão bem nos cantava Cesária Évora.
ver [+]

Pedro Vaz Patto
Talvez a mais surpreendente iniciativa do pontificado do Papa Francisco (onde as surpresas abundam)...
ver [+]

Visite a página online
do Patriarcado de Lisboa
EDIÇÕES ANTERIORES