Vocações |
Espírito Santo
Fonte de discernimento
<<
1/
>>
Imagem

Num processo de reflexão pessoal, podemos identificar 4 pontos fundamentais: caminho, escuta, discernimento e missão.

No que diz respeito ao discernimento, é sobretudo o dom Espírito Santo que “que está presente em nós, e que nos instrui, torna viva a Palavra de Deus que lemos, sugere novos significados, abre portas que pareciam fechadas, indica sendas de vida onde parecia existir unicamente escuridão e confusão”. É o Espírito Santo que dá vida à alma, sendo, por isso, “o discernimento em acção”, como salientou o Papa Francisco na sua catequese sobre o discernimento.

 

No Pentecostes celebramos o momento do nascimento da Igreja, que teve como momentos prévios a unidade apostólica, a presença e intercessão da Vigem Maria, e a oração (pulmão da vida cristã). Esta conjugação de factores, proporcionou a manifestação de Deus Espírito Santo através do vento e do fogo e, sobretudo, da conversão dos apóstolos. É a força do Espírito que nos leva a aderir à nossa vocação com, na feliz expressão de Santo Ambrósio, uma «sóbria embriaguez do Espírito».

 

Na Basílica de São Pedro, o Papa Francisco presidiu à missa de Pentecostes de Domingo dia 28 de maio e deixou uma questão que, no discernimento contínuo da nossa vocação, nos inquieta a todos: “E hoje, na sua festa, questionemo-nos: Sou dócil à harmonia do Espírito? Ou corro atrás dos meus projetos, das minhas ideias sem me deixar moldar, sem me fazer mudar por Ele? O meu modo de viver a fé é dócil ao Espírito ou é teimoso?”

 

____________

Em Maio aconteceu!!!

No primeiro fim de semana do mês passado, o Pré-Seminário teve mais um dos seus Encontros de Formação e Mini-Estágio, no Seminário de Penafirme. Os rapazes do 9º ao 11º ano (os Companheiros de S. Tiago e S. Pedro) foram guiados por mais uma bem-aventurança: «Bem-aventurados os puros de coração, porque verão a Deus». Foi um bom tempo para aprofundar e conversar acerca da virtude da castidade e da pureza, que nos leva a querer olhar todos com os olhos de Deus. Já os mais novos do 6º ao 8º ano (Zaqueus) continuaram «à procura de Cristo» desta vez «em comunidade». Em várias atividades em grupo foi um tempo de conhecer melhor o livro dos Atos dos Apóstolos e de como podemos descobrir Jesus bem Vivo no nosso próximo.

No fim de semana seguinte, foi a vez dos mais velhos do Pré (os Companheiros de S. Paulo – 12º ano e Universitários) terem o seu Encontro de Domingo no Seminário de Caparide. Foi um dia para descobrir a nossa vocação ao trabalho enquanto forma de santificação da nossa vida e da Criação, guiados pelo exemplo de vida do Beato Marcel Callo.

 

Próximas datas:

- Encontro de Domingo – rapazes do 12º ano e Universitários – dia 18 de Junho (Seminário de Caparide)

- Estágio de Verão – rapazes do 6º ao 8º ano (ano letivo 23/24) – dias 6 a 8 de Julho (Seminário de Penafirme)

- Campanário de Verão – rapazes do 9º ao 11º ano (ano letivo 23/24) – dias 10 a 13 de Julho (Seminário de Penafirme)

- Semana de Verão – 12º ano (ano letivo 23/24) e universitários – 13 a 20 de Julho (Seminário de Caparide)


Estás interessado no Pré-Seminário? Fala connosco!

913 061 647

A OPINIÃO DE
Guilherme d'Oliveira Martins
Quando Jean Lacroix fala da força e das fraquezas da família alerta-nos para a necessidade de não considerar...
ver [+]

Tony Neves
É um título para encher os olhos e provocar apetite de leitura! Mas é verdade. Depois de ver do ar parte do Congo verde, aterrei em Brazzaville.
ver [+]

Tony Neves
O Gabão acolheu-me de braços e coração abertos, numa visita que foi estreia absoluta neste país da África central.
ver [+]

Pedro Vaz Patto
Impressiona como foi festejada a aprovação, por larga e transversal maioria de deputados e senadores,...
ver [+]

Visite a página online
do Patriarcado de Lisboa
EDIÇÕES ANTERIORES