Lisboa |
Patriarcado assinalou Dia Internacional das Pessoas com Deficiência
“Acolhê-las como Cristo as acolhe”
<<
1/
>>
Imagem

Na celebração do Dia Internacional das Pessoas com Deficiência, o Bispo Auxiliar de Lisboa D. Joaquim Mendes apelou à “solicitude” para com as pessoas com deficiência, para que “se sintam acolhidas, amadas e valorizadas”.

 

“O Dia Internacional das Pessoas com Deficiência, que assinalamos nesta celebração, vem lembrar-nos o quanto é importante ter para com elas os mesmos sentimentos de Cristo e acolhê-las como Cristo as acolhe. Este pode ser um grande sinal da presença do Reino de Deus no mundo de hoje”, referiu o prelado, na Igreja de Nossa Senhora da Salvação, na paróquia de Arruda dos Vinhos, no passado dia 4 de dezembro. Nesta celebração organizada pelo Serviço Pastoral a Pessoas com Deficiência do Patriarcado de Lisboa, D. Joaquim Mendes sublinhou que “as pessoas com deficiência ensinam-nos a enfrentar o limite e ajudam-nos a crescer em humanidade”. “Somos chamados não só a incluí-las, a cuidá-las, mas a reconhecer a presença de Jesus que nelas se manifesta de um modo especial e nos enriquece e enriquece as nossas comunidades como seu testemunho”, assegurou o Bispo Auxiliar de Lisboa, reforçando: “Nas nossas comunidades cristãs não devem faltar, não somente as palavras, mas sobretudo os gestos para encontrar e acolher as pessoas com deficiência, e incluí-las também na liturgia dominical”.

Aos “caríssimos irmãos e irmãs com deficiência”, D. Joaquim Mendes convidou: “Vivei cada dia a experiência do encontro com Jesus que vos ama, crescei na fé e na confiança da sua proximidade, reconhecei os sinais da sua presença nas pessoas que vos acompanham e vos cuidam com solicitude e amor”.

A OPINIÃO DE
Guilherme d'Oliveira Martins
Acaba de ser publicada a declaração “Dignitas Infinita” sobre a Dignidade Humana, elaborada...
ver [+]

Tony Neves
Há fins de semana inspirados. Sábado fiz de guia a dois locais que me marcam cada vez que lá vou. A...
ver [+]

P. Gonçalo Portocarrero de Almada
Conta-nos São João que, junto à Cruz de Jesus, estava Maria, a Mãe de Cristo, que, nesse momento, foi...
ver [+]

Pedro Vaz Patto
Foi muito bem acolhida, pela generalidade da chamada “opinião pública”, a notícia de que...
ver [+]

Visite a página online
do Patriarcado de Lisboa
EDIÇÕES ANTERIORES