Lisboa |
Conselho Pastoral Diocesano reuniu no Seminário dos Olivais
“Gerar uma rede local mais alargada, mais comprometida e mais ousada”
<<
1/
>>
Imagem

O Conselho Pastoral Diocesano sublinhou a necessidade de “alargar a reflexão e participação da rede laical” sobre os assuntos tratados nestas reuniões. Membros refletiram em cinco pontos da Síntese Diocesana do Caminho Sinodal.

No Seminário dos Olivais, no passado dia 26 de novembro, a partir do testemunho de um membro representante de uma vigararia, que revelou enviar as atas e informações aos restantes conselhos pastorais paroquiais, foi destacada a necessidade de “gerar processos nas comunidades” e, eventualmente, organizar “assembleias vicariais”. “Há que gerar uma rede local mais alargada, mais comprometida e mais ousada, nas paróquias e vigararias, integrando os jovens, de forma a renovar o tecido eclesial e as comunidades”, salientou o Bispo Auxiliar de Lisboa D. Joaquim Mendes, que presidiu à reunião, em nome do Cardeal-Patriarca, D. Manuel Clemente.

Neste encontro, foi ainda salientado como o caminho de preparação da Jornada Mundial da Juventude é “oportunidade” para “os jovens dos movimentos se encontrarem com todos os jovens da Igreja”. “A JMJ é ocasião excelente para uma experiência eclesial, para dar e receber”, apontou o prelado.

Durante os trabalhos, os membros foram divididos em grupos para refletir sobre cada um dos cinco fatores destacados na Síntese Diocesana do Caminho Sinodal: ‘Acolhimento’; ‘Trabalho conjunto e a construção da comunidade’; ‘Nova evangelização e a comunicação’, ‘Diálogo’ e ‘Testemunho da vida cristã’. Da parte da tarde, no plenário, foram apresentadas as diversas reflexões e propostas dos membros do Conselho Pastoral Diocesano, sobre cada um dos cinco pontos, que vão agora ser compiladas e entregues ao Cardeal-Patriarca de Lisboa.

Na Eucaristia, antes do almoço, D. Joaquim Mendes lembrou que o novo tempo litúrgico que a Igreja estava a iniciar, o Advento, convida a “um renovado empenho na missão”.

O Conselho Pastoral Diocesano é formado por fiéis leigos, religiosos, diáconos e sacerdotes, representantes de toda a diocese, e tem por finalidade ajudar o Patriarca de Lisboa na decisão e desenvolvimento da ação pastoral. A próxima reunião, ainda no decorrer deste ano pastoral, está marcada para o dia 27 de maio de 2023.

texto e foto por Diogo Paiva Brandão
A OPINIÃO DE
Tony Neves
Deixei Cabo Verde, terra da ‘morabeza’, já cheio da ‘sodade’ que tão bem nos cantava Cesária Évora.
ver [+]

Pedro Vaz Patto
Talvez a mais surpreendente iniciativa do pontificado do Papa Francisco (onde as surpresas abundam)...
ver [+]

P. Gonçalo Portocarrero de Almada
Segundo a Conferência Episcopal Portuguesa, ninguém pode ser obrigado a comungar na mão, nem proibido de comungar na boca.
ver [+]

Guilherme d'Oliveira Martins
Se há exemplo de ativismo cívico e religioso e para o impulso permanente em prol da solidariedade, da...
ver [+]

Visite a página online
do Patriarcado de Lisboa
EDIÇÕES ANTERIORES