JMJ Lisboa 2023 |
Lamego
JMJ em destaque nas festas de Nossa Senhora dos Remédios
<<
1/
>>
Imagem

Os jovens de Lamego tiveram diversas formas de presença e participação nas “maiores festas da diocese”, que decorreram entre 25 de agosto e 9 de setembro, e deram a conhecer a JMJ Lisboa 2023 “a toda a gente”. “A mensagem ainda está muito no âmbito eclesial e, mesmo com a peregrinação dos símbolos muito intensa, fomos percebendo, em julho, que ainda não tinha chegado a toda a gente. O grande objetivo era fazer com que toda a gente soubesse o que era o logotipo, o que ia acontecer, que Lamego também estaria implicado e sensibilizar as pessoas para acolherem peregrinos em casa, nos ‘Dias nas Dioceses’”, referiu o coordenador do COD de Lamego, padre Luís Rafael Azevedo.

Este responsável juvenil destacou também a colaboração com o município local, particularmente com a realização da “noite celebrativa JMJ”, a 29 de agosto, com um concerto da banda ‘Quatro e Meia’. “Enchemos a avenida para passar não só uma noite de boa música, mas, acima de tudo, para passar a mensagem da Jornada da Mundial da Juventude, e isso foi conseguido. O grupo trouxe muita gente, principalmente da faixa etária que queremos atingir. A própria banda fez questão de divulgar e durante o concerto passaram muito bem a mensagem sobre as famílias de acolhimento”, recordou. “Foi uma marca muito positiva e os jovens expressaram muita alegria e acho que ninguém ficou indiferente”, resume o sacerdote.

A OPINIÃO DE
Guilherme d'Oliveira Martins
Se há exemplo de ativismo cívico e religioso e para o impulso permanente em prol da solidariedade, da...
ver [+]

Pedro Vaz Patto
Há temáticas sobre que tem falado o Papa Francisco de forma recorrente e que são da maior relevância, mas nem sempre têm o eco que seria devido.
ver [+]

Tony Neves
O Dia Mundial da Criança comemora-se a 1 de junho, em diversos países, incluindo Portugal, Angola, Moçambique…...
ver [+]

P. Gonçalo Portocarrero de Almada
O que caracteriza o casamento não é o amor – que é também comum a outras relações humanas –...
ver [+]

Visite a página online
do Patriarcado de Lisboa
EDIÇÕES ANTERIORES