Lisboa |
COD de Lisboa
Vigararia de Cascais recebe Cruz
<<
1/
>>
Imagem

A Cruz do COD de Lisboa chegou, no dia 23 de fevereiro, à Vigararia de Cascais. Do programa do próximo mês, destaque para a via-sacra a 11 de março, pelas ruas de São Domingos de Rana.

Após um mês na Vigararia de Amadora, a Cruz do COD (Comité Organizador Diocesano) de Lisboa chegou à Vigararia de Cascais, depois da celebração do ‘DIA 23’, com uma vigília de oração, na paróquia de Alfornelos. “Estão já a ser preparadas várias atividades, entre elas um peddy-paper, uma via-sacra e um concerto. O mote que nos une nesta peregrinação da Cruz inspira-se em Abraão e na promessa feita por Deus, que o convida a deixar a sua terra e a confiar na Palavra que escutava”, refere uma nota do COD de Lisboa. Da presença da Cruz do COD de Lisboa nas nove paróquias da Vigararia de Cascais, destaque para a via-sacra de dia 11 de março, sexta-feira, pelas 21h00, com início na Igreja Matriz de São Domingos de Rana e percurso até à Igreja de São José (Arneiro-Sassoeiros).

 

‘Caminhar com os Jovens’

O COD de Lisboa está a organizar um dia de formação com o tema ‘Caminhar com os Jovens’, dirigido aos animadores e/ou responsáveis da pastoral juvenil. A formação tem lugar no dia 5 de março, na nova sede do COL da JMJ Lisboa 2023, na antiga Manutenção Militar de Lisboa (Rua do Grilo, 84 - Beato), entre as 10h00 e as 17h00. “Haverá espaço para escuta, oração e fraternidade”, informa a organização.

A OPINIÃO DE
Guilherme d'Oliveira Martins
Quando Jean Lacroix fala da força e das fraquezas da família alerta-nos para a necessidade de não considerar...
ver [+]

Tony Neves
É um título para encher os olhos e provocar apetite de leitura! Mas é verdade. Depois de ver do ar parte do Congo verde, aterrei em Brazzaville.
ver [+]

Tony Neves
O Gabão acolheu-me de braços e coração abertos, numa visita que foi estreia absoluta neste país da África central.
ver [+]

Pedro Vaz Patto
Impressiona como foi festejada a aprovação, por larga e transversal maioria de deputados e senadores,...
ver [+]

Visite a página online
do Patriarcado de Lisboa
EDIÇÕES ANTERIORES